Reprodução/Internet

A partir desta quarta-feira, 26 de setembro, o DER - Departamento de Estradas e Rodagem fará reparos emergenciais,a conhecida operação "tapa buracos" na Rodovia Percy Waldir Semeghini. Considerada uma das principais vias de acesso na região, interligando os estados de São Paulo, Minas Gerais e Mato Grosso do Sul, a rodovia está em péssimo estado de conservação, causando prejuízos em veículos.

Os motoristas, como forma de chamar a atenção para o problema, recorrem à manifestações. A reforma geral da rodovia foi solicitada no início do ano pelo deputado estadual Carlão Pignatari-PSDB e autorizada pelo então governador Geraldo Alckmin, que, após se exonerou do cargo para disputar a presidência. 

O governador Geraldo Alckmin tinha anunciado a recuperação da rodovia Percy Waldir Semeghini (SP-543), entre Fernandópolis, Guarani D’Oeste e Ouroeste, em um ato realizado no dia 02/04/2018, há mais de 5 meses, no Palácio dos Bandeirantes, quando anunciou investimentos da ordem de R$ 506,3 milhões para obras de modernização e recuperação de rodovias estaduais e estradas vicinais. 

A SP-543 é uma importante rodovia da região Noroeste Paulista, ligando diversas cidades, distritos e propriedades rurais. Também é a estrada que dá acesso ao Estado de Minas Gerais, passando pela ponte na Usina Hidrelétrica de Água Vermelha. São aproximadamente 35 quilômetros de estrada que necessitam de recapeamento e reconstrução de acostamentos. O investimento é de R$ 29.700.000,00. Até agora não há data para início da obra completa e nem para início da licitação.
Por este motivo, o Deputado Estadual, candidato à reeleição Carlão Pignatari, pede que a situação seja resolvida, para que os usuários não sejam prejudicados pela omissão do Estado. A intenção dele é cobrar, não apenas o reparo, mas a obra completa.

 

Recomendadas para você