Arquivo Pessoal

Muitos caminhões fizeram um cortejo fúnebre desde o Velório Municipal até o Cemitério Parque Jardim das Flores, onde foi realizado o sepultamento de Adriano Roberto de Azevedo, 31 anos, morto ontem num acidente na BR-158 em Goiás. Adriano deixou a esposa Priscila e os enteados Eduarda e Pedro.

Relatos de familiares e amigos informam que foram muito tristes as poucas horas de velório. Havia muitas coroas de flores e muitas pessoas compareceram para dar o seu adeus à Adriano, que assim como tantos outros da mesma profissão, arriscam sua vida todos os dias nas rodovias do Brasil.

Está sendo sepultado às 13 horas desta quarta-feira, 23/12, o corpo do caminhoneiro votuporanguense,. Seu corpo chegou na manhã de hoje e foi velado no Velório Municipal de Votuporanga. O sepultamento está sendo realizado no Jardim das Flores Cemitério Parque.

O acidente fatal ocorreu na manhã desta terça-feira, 22/12, quando, por motivos que ainda serão esclarecidos, Adriano invadiu a pista contrária e bateu de frente com outro caminhão, morrendo no local. As causas do acidente serão investigadas.

Recomendadas para você