top of page
Buscar
  • Foto do escritorJanete Meire Ribeiro Cipriano

MULHER SUSPEITA DE MANDAR MATAR O PAI TINHA REGISTRADO B.O. CONTRA ELE POR ESTUPRO NO ANO PASSADO


Viviane Moré, a mulher presa na tarde de ontem, segunda-feira 22/05, suspeita de mandar matar o pai e o irmão, em Votuporanga (SP), fez uma denúncia por estupro contra o próprio pai no ano passado.

De acordo com o delegado Rafael Latorre, a motivação do crime era uma briga familiar: "Eles tinham uma rixa, porque a filha registrou um boletim de ocorrência contra o pai no ano passado por estupro, com inquérito aberto na Delegacia de Defesa da Mulher", disse o delegado.

Outra razão foi o dinheiro da família. A pretensão de Viviane e do marido Carlos Ramos era receber uma herança, com bens avaliados em R$ 2 milhões.

O casal contratou dois homens por R$ 30 mil para cometerem os assassinatos. Wladmyr Ferreira Baggio e Vitor Moré Baggio foram amarrados, vendados e mortos a tiros no dia 11 de maio.

De acordo com o delegado Rafael Latorre, três dias antes do crime, Viviane e Carlos se reuniram com a dupla contratada em um posto de combustíveis para planejar o crime. "A partir da confissão de um dos autores, foi informado que tinha acontecido uma reunião três dias antes da consumação do duplo latrocínio. Nós levantamos a imagem do posto de combustíveis, onde houve as tratativas" explicou o delegado.


De acordo com a Polícia Civil, o valor de R$ 10 mil seria para cada morte, pois a mãe de Viviane também deveria ser assassinada. Mas a mulher não estava no sítio no dia do crime. Além de receberem o pagamento pelos assassinatos, o casal permitiu que eles roubassem itens do sítio.

Imagens e Informações: TV TEM (Viviane Moré e o marido Carlos Ramos)

0 visualização0 comentário

Коментарі


bottom of page